Pesquisar neste blog

28 de jul de 2011

CARDIOMIOPATIAS

 O gato pode apresentar doenças cardíacas que afetam primariamente o músculo cardíaco; miocárdio. Daí utilizar-se o termo cardiomiopatia ou doença do miocárdio. Dentre elas a mais freqüente é a Cardiomiopatia hipertrófica, onde o felino apresenta uma hipertrofia do músculo cardíaco. As causas para essa hipertrofia podem ser múltiplas, mas os gatos da raça Maine Coon apresentam uma predisposição para a enfermidade. Os sintomas aparecem subitamente e se relacionam à disfunção do miocárdio. Cansaço fácil e/ou fraqueza ou impossibilidade repentina em se locomover com as patas traseiras. Para prevenção afaste os gatos portadores da doença da reprodução, uma vez que pode ser uma enfermidade de transmissão hereditária. O ideal é que a doença miocárdica seja diagnósticada antes de o gato apresentar sintomas de insuficiência cardíaca, consultas regulares ao veterinário são importantes para a prevenção.

Fonte: Revista Pulo do Gato
Colaboração: Dr. Valdo Reche, o maior especialista em felinos do Brasil.
Mestre em Clínica Veterinária pela Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnica da USP.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

RECEBA POR EMAIL